Você está visualizando atualmente SÉRIE ALIANÇA – Parte 4 – As Estações de uma Aliança

SÉRIE ALIANÇA – Parte 4 – As Estações de uma Aliança

Texto base:“Irmãos, falo como homem. Ainda que uma aliança seja meramente humana, uma vez ratificada, ninguém a revoga ou lhe acrescenta alguma coisa.” (Gálatas 3:15) “Enquanto durar a terra, não deixará de haver sementeira e ceifa, frio e calor, verão e inverno, dia e noite.” (Gênesis 8:22)

Introdução: Mais um começo de ano pandêmico e o nosso coração pode ficar tomado de sentimentos. Muitos se sentem vulneráveis e instáveis, se sentem fragilizados e tomados de temor. Sentimentos de conquistas ou de perdas que algumas vezes são irreparáveis aqui. No entanto, essas perdas serão reparadas naquele glorioso dia onde nos encontraremos com todos aqueles que tínhamos uma aliança de amor. 

Nesse tempo, todas as reflexões são saudáveis e necessárias quando alinhadas com a Palavra. Dessa forma elas sempre produzirão maturidade e crescimento espiritual. Todavia, com todo esse clima, podemos incorrer no erro de desconsiderarmos o valor que uma aliança possui. Entre o Alfa e o Ômega, muitas estações já se passaram e muitas outras passarão. Se te fosse feita a pergunta: em qual estação você está vivendo? Para respondê-la você teria que avaliar todo o contexto da sua vida e com certeza você chegaria a uma conclusão: A sua vida é feita de relacionamentos interpessoais e é certo que são as pessoas e não as coisas que são mais importantes na nossa vida.

Um Deus de Aliança: Uma das características do Senhor é que Ele é um Deus de Aliança. Em Gênesis 9:9 diz: “Eis que estabeleço a minha aliança convosco, e com a vossa descendência,…” O Senhor falou isso com Noé e toda aliança envolve pessoas, envolve relacionamentos. E o nosso Deus sempre provou ser um Deus de relacionamento. A sua vontade para nós também é que sejamos pessoas dadas a relacionamentos. Ele nos criou à sua imagem e semelhança, por isso temos uma necessidade de nos relacionarmos. Pessoas que evitam relacionamentos têm algum problema emocional gerados por traumas. Essas pessoas precisam de cura e o Senhor Deus vai permitir que a cura venha através de relacionamentos saudáveis. O que precisamos compreender é que toda aliança passa por estações. 

A primavera: O comum e normal é toda aliança começar na estação da primavera. Na primavera, tudo são flores, não vemos os defeitos. Tudo é perfumado e colorido. Consegue se lembrar quando namorava o seu cônjuge? Ou quando começou no novo emprego? Ou ainda quando chegou na Igreja?

O verão: No verão a temperatura é mais quente, mas depois vem a chuva para refrescar. Os problemas começam a surgir, mas logo vem o escape, afinal a paisagem ainda está bonita, a grama está verde. 

O outono: No outono, as folhas começam a cair, a temperatura também cai, a paisagem muda, a pele resseca, quase não se têm chuvas. É quando a pessoa começa a desanimar em relação ao outro. O coração está se enchendo de cólera, amargura e desconfianças.

O inverno: As noites chegam mais cedo, e o frio predomina. A frieza invade os corações e é nessa estação que as pessoas pedem baixa. Se divorciam, saem do trabalho, rejeitam e quebram a aliança. As decisões que são tomadas no inverno geralmente não são acertadas, porque são feitas com um coração duro e cheio de justiça própria. Leia Gênesis 8:22.  Toda aliança passa pelas estações e é no inverno que elas são provadas! No entanto, o inverno existe para que a primavera apareça e brilhe com as cores das flores. Sempre após o inverno, ocorre a primavera. Nós venceremos no inverno se pensarmos na primavera. O profeta Jeremias disse: “Quero trazer à memória o que me pode dar esperança.” (Lm 3:21) O inverno vai passar se dermos chance para as flores brotarem novamente. Leia: Ct 2:10 e 11.

Como restaurar as alianças que se tornaram vulneráveis em meio às estações:

1.    Busque os recursos em Cristo – Leia Hb 8:6 Em primeiro lugar, Jesus veio para promover uma reconciliação entre você e Deus. Entretanto, se você o chamar para ser o Mediador nos seus relacionamentos, as alianças ratificadas sempre superarão os invernos e experimentarão lindas primaveras.

2. Ore com fé, amor e persevere – Leia Tg 5:16 e Ts 1:3 A fé, o amor e a perseverança andam juntos. Quando você ora por alguém assim, algo lindo vai acontecer!

3. Seja menos crítico com as pessoas – Mt 7:3 Deixe Deus trabalhar. Deixe de enxergar apenas os defeitos. Segundo Lacan, aquilo que você vê na outra pessoa é na verdade o seu reflexo.

Conclusão: O nosso Deus é um Deus de aliança e deseja que nenhuma aliança seja revogada. A fonte das Alianças é a sua graça e propósito delas é desfazer o egoísmo e trazer maturidade. Contemple as alianças que você possui e veja como um favor de Deus. Seja grato e desfrute delas! É inevitável que os relacionamentos passem pelas estações, porém o Senhor tem restauração para eles e assim como Jesus é o Mediador da aliança entre Deus e os homens, ele será um mediador entre você as pessoas de aliança na sua vida.

Compartilhando: Responda – em qual estação você acredita estar vivendo? O que pode fazer para buscar a restauração?                                   

Pra Ana Tatis – Igreja Batista do Amor

Deixe um comentário