Você está visualizando atualmente CAVANDO POÇOS

CAVANDO POÇOS

Estudo de célula: CAVANDO POÇOS

Texto Base: Gálatas 6:9 E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos.

Versículo chave: Gênesis 26:1-2, 12

Isaque era filho da promessa e tinha sobre si a palavra de Deus. O próprio Senhor o direcionava, e ele obedeceu em não descer para o Egito em busca de riquezas. Palavra de Deus foi: “FICA NA TERRA QUE EU TE DISSER”. Isaque enfrentou muitas dificuldades, seus poços eram motivo de contendas.

  1. Sobreviver ao tempo difícil

Maior perigo do deserto não é apenas ausência de água, vida ou fato de ser lugar árido, mas o que ele gera em nós.

Nosso desafio é como reagir ao tempo difícil, Isaque numa terra seca viveu a contramão do caminho natural, ele permaneceu, pois creu que era o lugar da vontade de Deus para ele.

Gn 17:1 aos noventa e nove anos Deus muda nome de Abraão, a palavra ser perfeito no hebraico é TAMIN = íntegro, completo, perfeito é ir até o fim, não sem defeitos ou sem pecados.

  • Não é o que fazemos, e sim a benção de Deus – Gn 26:12

Tudo o que fazemos pode trazer cansaço, quando nos dedicamos e trabalhamos esperando resultado e ele não vem. Quando trabalhamos, investimos ou semeamos e não vemos o resultado, nos frustramos. Temos um sentimento que nos abate, não nos sentimos incapazes.

Você já se frustrou na sua família? Você já semeou na sua família e não viu fruto ou resultado?

Benção de Deus enriquece e com ela não traz desgosto! Pv 10:22

Qualquer terra se torna fértil com a intervenção de Deus, com a benção de Deus.

  • Vencer as provocações e impedimentos – Gn 26:18-22

Não deixe de cavar poços, mesmo que esteja difícil ou tenham entulhado seus poços, continue cavando. Conquistamos os poços por causa da perseverança, pelo “TAMIN” ir até o fim. Só se persevera quando se confia, quando se crê. Só conseguimos perseverar quando fazemos das promessas de Deus verdades em nossas vidas.

  1. Eseque = contenda

Desafio é vencer os limites de nossa resistência física e emocional, onde aprendemos a ser mais maduros e equilibrados, defendendo o que é nosso e não fazendo o jogo do inimigo e esperando com paciência no Senhor

  • Sitna=briga

Vencer as calúnias e o ódio, é a certeza de que vamos encontrar água e desfrutar dela, mesmo vivendo com a competitividade do mundo e inveja

  • Reobote=lugares amplos, é a preparação para ter o grande, o milagre do Senhor. SÓ RECEBEMOS quando temos Fé e perseverança.
  • Gn 26:26-27 Isaque sofreu nas mãos deus opositores, ele sentiu na pele a inveja e perseguição. E esse é o propósito da inveja, como veneno para contaminar nosso coração. Podemos ser invejados, e seremos invejados, mas não podemos deixar o veneno da inveja entrar em nosso coração, pois o que nos destrói não é a inveja, mas sim o seu veneno.

Conclusão: Isaque não podia permanecer com sequelas e marcas do que lhe causaram, antes de seguir sua jornada e sua vida, precisava limpar seu coração definitivamente e perdoar a todos os seus opositores/inimigos. Gn 26:28-32 Perdão e cura nos relacionamentos, uma restauração, onde o perdão vence o veneno da inveja. Deus libera o 4º poço = BERSEBA Liberação plena do grande de Deus.

Pr Rodrigo Barbosa – Igreja Batista do Amor

Deixe um comentário