Você está visualizando atualmente A ESPERANÇA QUE NÃO SE DESESPERA

A ESPERANÇA QUE NÃO SE DESESPERA

Escritura

Romanos 4.16-25

Quebra-gelo

Como ficam as suas emoções quando está esperando?

Pensamento inicial

Uma das maiores dificuldades do ser humano é esperar. Nossa paciência é curta. Queremos que tudo aconteça ao nosso modo e no nosso tempo. Olhamos para Abraão e aprendemos com sua paciência, a esperança que não se desespera.

Aplicação Bíblica

Leia Rm 4.16-25. O que você nota sobre o texto?

Aplicação na vida

  1. Só pode ter uma esperança que não se desespera aquele que crê no Deus dos impossíveis. Abraão creu em Deus, antes que na promessa. Como você age em meio as causas impossíveis?
  2. Aos 75 anos Deus faz uma promessa para Abraão (Gn 12.4). Ele enfrenta quatro problemas: a) A sua idade avançada; b) A esterilidade de sua mulher (Gn 11.30); c) Desde que Deus havia prometido, havia passado 11 anos (Gn 16.2); d) Aos 86 anos, escolhe seus próprios métodos (Gn 16.16). Talvez você se ache velho, cansado demais para começar algo novo. Comente.
  3. A promessa se cumpre, o tão sonhado acontece. Imagine isso acontecendo na sua vida hoje. Porém, Deus pede para que você renuncie e entregue. Francamente, o que lhe vem a mente um pedido como esse?
  4. Comente: “Abraão cria que nem a morte colocava limites no poder de Deus. O nada e a morte não são problemas para Deus”.
  5. Só pode ter uma esperança que não se desespera aquele que descansa na providência divina – Isaque esperou 20 anos o nascimento dos filhos (Gn 25.20-26) e durante esse tempo ele orou por Rebeca. Você tem paciência para orar pela cura, pela restauração do seu casamento, para uma visitação de Deus em sua casa?
  6. Isaque cavava poços e os filisteus os enchiam de terra. Ele teve paciência para resolver conflitos com os filisteus  (Gn  26.16-25).  Em  vez  de  brigar,  ele  ia  para  frente,  avançava.  Você  tem  paciência  para  evitar conflitos? para resolver conflitos? para perdoar?

Desafio/Conclusão

Há um ditado popular que diz que “a esperança é a última que morre”. Para muitos, a esperança já morreu. Mas se você crê no Deus de Abraão, Isaque e Jacó você pode ter uma esperança que não se desespera, pois Ele é aquele que: a) Vivifica os mortos; b) Que chama à existência as coisas que não existem; c) Que faz com que a mulher estéril seja alegre mãe de filhos; d) Que pode o impossível! NÃO HÁ HORA, NÃO HÁ TEMPO, NÃO HÁ IDADE PARA DEUS CHAMAR VOCÊ, DESAFIA-LO, COMEÇAR UM NOVO PROJETO. CREIA!

Pr. Jennison César Fernandes – Igreja Batista do Amor

Deixe um comentário