Você está visualizando atualmente UM ENCONTRO COM O MESTRE

UM ENCONTRO COM O MESTRE

Um encontro com o MestreJo.3:1-16

O texto que lemos, relata  o encontro entre Nicodemos  e Jesus de Nazaré. Um fariseu, membro do Sinédrio e mestre da Lei  e que se  interessou pelos  ensinos  de Jesus. Era um religiosos observador  cumpridor  da Lei, obedecia de forma  rigorosa todos os preceitos religiosos. Como  mestre Nicodemos era versado na Lei e responsável  interpretá-la.  Como membro do Sinédrio, julgava os assuntos  criminais e administrativos  do povo, porem que percebeu  que havia  algo extraordinário em Jesus e decide  encontra-lo para  conhece-lo e ouvir seus ensinamentos.

Encontro  com  Jesus  a noite – v.2

O fato de ser a noite, tem sido alvo de várias interpretações, porem isso  não é relevante,  o  importante  é que ele  foi ao  encontro de Jesus, a  decisão tomada e o ato de ir é que faz  a diferença na vida deste homem.

 Encontrando com o Mestre

Ainda  faltava-lhe uma  algo, conhecer Jesus e  desfrutar  do seu grande  Amor. As práticas religiosa e ritualísticas diárias, não dava-lhe a comunhão plena  com Deus,  vivia sem  desfrutar da  certeza da  sua salvação  eterna. A salvação não tem origem nas obras, mas  as obras decorre da salvação em Cristo (Tg.2:18)

A perplexidade de Nicodemos v.4

Fica atónito  ao ouvir Jesus, como estudiosos e mestre da lei, nunca  tinha  ouvido falar  do  que Jesus  estava lhe  falando,  descobre que o fato de  ser  religioso não era  suficiente para  a salvação

Nicodemos era diferente: v.2

Os sinais  operados  foi  que o atraiu a Jesus,  porem não estava  em busca em milagres queria mais,  sua intenção era conhecer Jesus e saber a cerca  da Salvação.

Jesus vai direto ao ponto v.3

Sabedor do interesse  do visitante sobre a salvação, Jesus o conduz a aguas profundas durante a conversa,  revelando-lhe verdades a cerca da necessidade do Novo Nascimento que tem todo ser  humano, independente  de ter a uma  religião e ser  dedicado a  ela.  Sobre isso Paulo escreve  em Rm.8:7 e 8. Sem o Novo Nascimento o  ser humano não pode ser salvo Mt.15:19 – está espiritualmente morto e  se está morto não pode se salvar através  de  seus atos  religiosos -Ef.2:1-3. Nicodemos  reconhece  que precisa de Ajuda. V.4 Porque ser humano  é incapaz de promover  a  sua salvação e ele precisava de  um grande milagre.

A maior  revelação de 4 coisas incomparáveis oferecidas em Jo.3:16

Jesussurpreende Nicodemos com a  solução do  problema, e ele percebe pois ainda há esperança:  

O AMOR  DE DEUS – O maior e mais rico  presente  que o  ser humano pode receber que abrange  toda  a humanidade – I Tm.2:6

A MORTE  VICARIA DE CRISTO – O maior  e perfeito Sacrifício- A morte vicária. O termo “vicário” significa “o que faz as vezes de outro; substituto”. A morte vicária significa morte substitutiva, pois Jesus morreu, derramando o seu sangue, em nosso lugar. (1 Pe.3:18)

O LIVRAMENTO DA MORTE ETERNA- “…todo aquele que nele crer não morra… A Morte Eterna é o maior Perigo  para  o  Ser  Humano é a separação completa e  definitiva  de Deus  sem qualquer  possibilidade de Salvação, em eterno tormento. A solução é Crer  em Jesus, Crer no grego  é (pisteuo),  palavra que inclui 3 elementos principais:

  • ter plena convicção de que Cristo é Filho de Deus e  o único  Salvador do perdido pecador;
  • Viver uma vida de  comunhão com Cristo e com a sua igreja e de  submissão à sua Palavra  Jo.14:21 –
  • Plena confiança de que Cristo é suficientemente capaz de conduzir à salvação e à comunhão com o Pai.

A VIDA ETERNA- Maior  Milagre para  uma pessoa  é a vida eterna.

Considerações finais: A Expressão “Eterna” não se trata apenas da perpetuidade da nova vida, mas também a qualidade desta vida, como a de Deus; de comunhão com Deus e com sua igreja, uma vida que liberta do poder do pecado e do poder de  Satanás,  afastado das prática  pecaminosas  e o leva a viver uma  vida santa diante Deus e  dos  homens .

Pr. Carlos Augusto da Costa Alves – Igreja Batista do Amor

Deixe um comentário