Você está visualizando atualmente ONDE FOI QUE EU ERREI?

ONDE FOI QUE EU ERREI?

Texto Base: Mateus 22.23-33

Versículo chave: “Respondeu-lhes Jesus: Errais, não conhecendo às Escrituras nem o poder de Deus” (vs. 29).

Contexto: Os saduceus eram uma classe dos judeus, que não acreditava na ressurreição, nem em anjos; eles aceitavam apenas a autoridade do Pentateuco (os cinco primeiros livros da Bíblia escritos por Moisés). Por isso, inventaram uma história de uma mulher que teve sete maridos, para questionar a ressurreição, uma vez que, após a morte de todos, ela não poderia ser esposa dos sete, na vida futura. Jesus disse aos saduceus que eles estavam errados, porque na ressurreição ninguém casará e que Deus não é Deus dos mortos e sim dos vivos.

Erro: significa juízo falso, desvio do bom caminho. Errar: significa falhar, enganar-se, errar o alvo (segundo o minidicionário Aurélio). É evidente que ninguém, em sã consciência, deseja errar. As pessoas não querem falhar em seus planos para sua família, em seu trabalho, em seus estudos, em sua vida. Seja qual for o projeto de vida, todos querem acertar o alvo. Mas por que erramos, por que nos desviamos do bom caminho?

Por causa da desobediência de um,todos os homens herdaram uma semente corrompida (Rm 5.19a), que conduz ao engano, ao erro. “Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem nenhum, pois o querer o bem está em mim; não, porém, o efetuá-lo” (Rm 7.18). O homem natural tenta fazer o que é “certo” do seu jeito, com a sua força, com a sua própria justiça, mas isto não é suficiente (é como esconder a sua própria nudez com folhas de figueira como fizeram Adão e Eva no Éden).

Diante das falhas, muitos dizem: “Onde foi que eu errei,se fiz o melhor que pude, como se tudo dependesse de mim?” (Mas, será que orou como se tudo dependesse de Deus?). “Onde foi que eu errei, se me entreguei no relacionamento e amei apaixonadamente?” (Mas, será que amou incondicionalmente?). “Onde foi que eu errei, se mostrei o caminho certo para o meu filho?” (Mas, será que o ensinou no caminho?). “Onde foi que eu errei, se fiz o bem, realizei boas obras e ajudei as pessoas? (Mas, será que viveu a graça e andou por fé?). “Onde foi que eu errei, se eu ia à igreja, era devoto e tinha uma religião?” (Mas, será que tinha Jesus?).

A boa notícia é queDeus não levou em conta os tempos da ignorância, do engano (At 17.30). Se errar é se desviar do bom caminho, do alvo, então, todos nasceram desviados do caminho (no pecado): “pois todos pecaram e carecem da glória de Deus” (Rm 3.23). Agora, o que mais importa não é ficar se consumindo pela culpa dizendo: “onde foi que eu errei” ou “o que eu poderia ter feito”, mas, crer que Jesus fez o que precisava ser feito e, por meio do arrependimento, receber o perdão dos pecados (I Jo 1.9).

Conhecer as Escrituras é conhecer o próprio Jesus, o Verbo de Deus que se fez carne (Jo 1.14). Jesus disse que são as próprias Escrituras, que testificam dEle (Jo 5.39). Conhecer o poder de Deus é crer e receber o poder de ser feito filho de Deus (Jo 1.12), o poder da vida eterna. Jesus venceu a morte, o maior e o último inimigo ser vencido, para que também nós recebêssemos a ressurreição.  

Reflexão: Diante de alguma situação que você passou ou está passando, já se perguntou: “Onde foi que eu errei?” Isso ainda lhe incomoda e traz tristeza? O que você pode fazer para se libertar dessa culpa?

Conclusão: Lembre-se de que, na vida, passamos por aflições, conflitos e dificuldades, mas isso não quer dizer, necessariamente, que erramos, demos causa, ou pecamos; muitas vezes, são apenas situações para que se manifestem as obras de Deus (Jo 9.3). Lembre-se de que, aqueles que conhecem as Escrituras e o poder de Deus, mas que abandonaram o seu primeiro amor, precisam se lembrar de onde caíram, se arrepender e voltar às primeiras obras (Ap 2.4,5).

Pr. Ricardo Arturo T. BatistaIgreja Batista do Amor

Deixe um comentário